A RELEVÂNCIA DOS SABERES GERENCIAIS DO ENFERMEIRO NA ESTRATÉGIA SAÚDE DA FAMÍLIA: UMA REVISÃO DE LITERATURA

  • JOÃO BATISTA DE SOUZA PENA JÚNIOR Faculdade Metropolitana São Carlos (FAMESC)
  • FERNANDA SANTOS CURCIO Faculdade Metropolitana São Carlos (FAMESC)
  • NAYARA SILVA BORGES Faculdade Metropolitana São Carlos (FAMESC)
Palavras-chave: GERÊNCIA EM ENFERMAGEM, GESTÃO, LIDERANÇA, FUNÇÃO GERENCIAL DO ENFERMEIRO, ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE

Resumo

O presente trabalho trata-se de uma revisão bibliográfica, cuja pesquisa foi realizada através de análise de artigos científicos, com o objetivo de discutir a importância do conhecimento em gestão pelos enfermeiros que atuam na Estratégia Saúde da Família (ESF), descrevendo o que é gerenciamento em enfermagem, as principais ferramentas gerenciais utilizadas e as dificuldades encontradas na gestão na Atenção Básica. Compreende-se que as atividades gerenciais na ESF representam parte considerável de todas as atribuições do enfermeiro. A partir do estudo, foi possível perceber a importância dos conhecimentos gerenciais pelos enfermeiros que atuam na ESF, já que este local é considerado a principal porta de entrada do Sistema Único de Saúde (SUS) e onde grande parte dos agravos à saúde podem ser identificados e resolvidos. No entanto, dificuldades são encontradas pelos profissionais para desenvolver essas atividades, destacando a conciliação de atividades gerenciais às assistenciais e a falta de capacitação. Sendo assim, compreender as dificuldades enfrentadas pelos enfermeiros que desempenham a função de gestor é fundamental, visto que os aspectos gerenciais têm relação direta com a qualidade dos serviços prestados à população.

Publicado
2021-04-17
Como Citar
PENA JÚNIOR, J. B.; CURCIO, F.; BORGES, N. A RELEVÂNCIA DOS SABERES GERENCIAIS DO ENFERMEIRO NA ESTRATÉGIA SAÚDE DA FAMÍLIA: UMA REVISÃO DE LITERATURA. Múltiplos Acessos, v. 5, n. 2, p. 152-166, 17 abr. 2021.
Seção
Artigos