AUDITORIA HOSPITALAR COMO INSTRUMENTO NA PREVENÇÃO DE ERROS MEDICAMENTOSOS

A SEGURANÇA DO PACIENTE EM FOCO

  • LEONARDO DA SILVA JACOMINI Faculdade Metropolitana São Carlos – FAMESC
  • BIANCA MAGNELLI MANGIAVACCHI Faculdade Metropolitana São Carlos – FAMESC https://orcid.org/0000-0002-9682-4869
Palavras-chave: MEDICAMENTOS, ATENDIMENTO AO PACIENTE, AMBIENTE HOSPITALAR, AUDITORIA EM SAÚDE

Resumo

A realização de procedimentos de administração de medicamentos em ambiente hospitalar de forma errônea tem implicações diretas na qualidade e na segurança do atendimento ao paciente. A identificação desses erros tem sido alvo de análise em processos de auditoria para melhorar a prática clínica, envolvendo desde a análise de prontuários médicos, o monitoramento das prescrições por sistemas eletrônicos ou bancos de dados administrativos. Reclamações quanto a erros de medicação e eventos adversos relacionados a medicamentos associados são usados, de forma direta, no monitoramento da segurança dos pacientes. O processo de auditoria tem grande influência na prática clínica e a gestão hospitalar, promovendo modificações na prestação de cuidados de saúde, apreciando-se diretrizes e protocolos descritos e desenvolvendo senso de responsabilidade clínica, compreensão interprofissional, e sensibilidade às necessidades dos pacientes. Nesse sentido, o objetivo desse estudo visa avaliar papel da auditoria hospitalar na prevenção de erros relacionados a medicação para melhoria do atendimento e maior segurança do paciente. Desta forma foi realizada uma busca sistemática da literatura na plataforma SCIELO utilizando os termos “segurança do paciente”, “medicação” e “auditoria”. Erros de medicação e eventos adversos relacionados a medicamentos têm implicações importantes, desde o aumento do tempo de hospitalização e custos até desconforto e incapacidade indevidos ou aumento da mortalidade. Para construir sistemas mais seguros os estudos originais e relatos de caso possibilitam o conhecimento dos riscos possíveis e melhora no desempenho. A auditoria é um processo que permite melhoria de qualidade que busca melhorar o atendimento ao paciente e os resultados por meio de sistematização revisão do cuidado em relação a critérios explícitos e à implementação de mudanças, auxiliando na promoção do atendimento de qualidade oferecendo uma estrutura sistemática para investigar e avaliar o trabalho dos profissionais de saúde e para introduzir e monitorar melhorias. Todos os estudos avaliados relataram erros relacionados tanto no processo de prescrição de medicamentos quanto na administração deles, causando danos aos pacientes, em especial eventos adversos, destacando a falha na qualidade da assistência, comprometendo assim a segurança do paciente.

Publicado
2021-06-09
Como Citar
JACOMINI, L.; MANGIAVACCHI, B. AUDITORIA HOSPITALAR COMO INSTRUMENTO NA PREVENÇÃO DE ERROS MEDICAMENTOSOS. Múltiplos Acessos, v. 6, n. 1, p. 199-207, 9 jun. 2021.
Seção
Artigos

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##