CAMINHOS DO ORFISMO: DA ANTIGUIDADE ARCAICA AO CRISTIANISMO - O ESPIRITISMO-CRISTÃO ANUNCIADO DESDE O ORFISMO.

  • João Vicente Gomes de Alvarenga
  • Auner Pereira Carneiro
Palavras-chave: Orfismo. Religiões dos Mistérios. Sobrevivência da Alma. Reencarnação. Espiritismo

Resumo

O presente trabalho tem por base desvendar os caminhos do pensamento órfico, cujos rastros são encontrados na Antiguidade Clássica. Nesta tarefa, os mentores se destacam em compreensões que são acompanhadas por especialistas em mitologia grega e no pensamento filosófico de autores pré-socráticos e socráticos. O Orfismo trouxe à luz o dualismo ontológico, antes mesmo do filósofo Descartes. A dualidade corpo e alma era a base fundamental do pensamento órfico que se desdobra, então, na doutrina da sobrevivência da alma e no conceito de metempsicose, ou reencarnação. O Orfismo faz escola com Pitágoras que, por sua vez, influencia fortemente Platão, com sua cosmovisão, apoiada no mundo das ideias e seus naturais desdobramentos, as bases do Orfismo e do Pitagorismo. Por fim, é a culminância inspiracional que orienta que a Doutrina Espírita e o Cristianismo podem aproximarem-se e colocarem-se também como herdeiros do Orfismo, salvo melhor juízo.

Publicado
2018-06-25
Como Citar
Vicente Gomes de Alvarenga, J., & Pereira Carneiro, A. (2018). CAMINHOS DO ORFISMO: DA ANTIGUIDADE ARCAICA AO CRISTIANISMO - O ESPIRITISMO-CRISTÃO ANUNCIADO DESDE O ORFISMO. Múltiplos Acessos, 3(1). Recuperado de http://multiplosacessos.com/multaccess/index.php/multaccess/article/view/69
Seção
Artigos